Mapa

Guia de Viagem e Dicas de Salvador

Viagens para Salvador

Salvador é uma das mais antigas do Brasil, tendo sido habitada a partir de 1510, quando um navio francês naufragou em sua costa. Os sobreviventes então fundaram ali uma vila. Foi em 1549 que a Coroa portuguesa, que tinha decidido colonizar a nova terra, fundou a Cidade do São Salvador da Bahia de Todos os Santos, uma  cidade-fortaleza. Salvador já nasceu cidade sem nunca ter sido província e também já nasceu capital do país.

Segundo o censo de 2010, Salvador hoje é a terceira cidade mais populosa do Brasil é também o segundo destino turístico brasileiro mais procurado por estrangeiros — só perde para o Rio de Janeiro. Um dos epítetos da capital do estado da Bahia é “capital da Alegria”, por causa da fama internacional do seu carnaval e da alegria de seu povo.

Os elementos que explicam o fascínio que a cidade exerce sobre os turistas – estrangeiros e brasileiros – são uma mistura vibrante e ímpar do patrimônio cultural, histórico e arquitetônico, sua natureza exuberante, e seu povo descontraído, além da culinária excepcional e exótica.

Nenhuma visita a Salvador  será completa se não incluir os cartões postais mais famosos, como o Farol da Barra, o Pelourinho, símbolo maior da cidade e também a sede do Olodum e da Fundação Casa de Jorge Amado, juntamente com a Igreja de São Francisco.

Outras opções de lazer em Salvador

Embora seja considerada uma capital cultural do país, dando acesso aos turistas à fervilhante cultura contemporânea baiana, Salvador não deixa a desejar em outros quesitos turísticos, tais como:

 - Belíssimas praias (tanto localizadas na cidade quanto mais afastadas)

 - Salvador tem o maior número de naufrágios registrados do país, fazendo a festa dos mergulhadores

 - Patrimônio histórico e cultural: há mais de 300 igrejas, 11 fortes e um conjunto de mais de 800 casarões do período colonial na cidade

 - Diversidade religiosa: os terreiros de candomblé da Bahia são famosos no mundo inteiro

Até os adeptos de esportes radicais irão se divertir em terras soteropolitanas. Na cidade pode-se praticar rapel, skate e saltar de asa delta, além de visitar reservas ecológicas, a exemplo de Pituaçu e de São Bartolomeu, em Pirajá

Gastronomia em Salvador

A culinária baiana é um exemplo delicioso da influência africana na região. Alguns ingredientes como o azeite de dendê, o leite de coco, a pimenta e o coentro são marcas registradas das iguarias baianas.

Não saia de Salvador sem provar pelo menos um acarajé – um bolinho de feijão ralado frito no azeite de dendê e recheado com camarão e vatapá – e uma moqueca – outro prato típico da região, feito com peixe ou com camarão, siri, ou ainda arraia. Quanto aos doces, provar a cocada é obrigatório. Estas comidas típicas são vendidas nas ruas por  mulheres usando indumentárias características do candomblé.

Além de experimentar os acepipes regionais, o turista estará bem fornido de “comes e bebes”: a cidade conta com  mais de duzentos restaurantes, mais de duzentas casas de petiscos e pelo menos 130 bares.

Clima em Salvador

A cidade possui um clima tropical predominantemente quente: durante o ano inteiro, as temperaturas mínimas não ficam abaixo dos 25 graus célsius e a média de temperatura máxima não fica abaixo dos 32 graus. Entretanto, sempre se deve contar com uma brisa refrescante e constante que sopra do Oceano Atlântico.

As chuvas se concentram no período do inverno nos meses de junho, julho e agosto, que também é a temporada de festas juninas no nordeste do Brasil e no verão, meses de dezembro, janeiro e fevereiro.

Quando viajar para Salvador

Salvador pode ser visitada em qualquer época do ano, mas os períodos mais agitados são os das festas populares, quando se pode conhecer a força das tradições culturais e religiosas da cidade.

A festividade mais conhecida e agitada da cidade é sem sombra de dúvidas o Carnaval, que ocorre geralmente em fevereiro ou março (a data da festa é móvel – acontece sete semanas antes da Páscoa). O Carnaval de Salvador é bem característico, contando com blocos de carnaval e com os famosos trios elétricos —invenção baiana — que percorrem os diversos circuitos da cidade, tocando ritmos variados, incluindo ritmos tipicamente baianos, como o axé (mistura do frevo com o afoxé, ritmo africano). Os foliões acompanham os trios pela cidade, pulando e dançando. A festança dura sete dias, mas Salvador também é lembrada pelos seus carnavais fora de época.

Em janeiro acontecem várias comemorações famosas:

 - Lavagem das escadarias da Igreja de Nosso Senhor do Bonfim: 2ª quinta-feira de janeiro, quando uma enorme procissão percorre a cidade em homenagem à Oxalá, saindo da igreja da Conceição da Praia rumo à Igreja do Bonfim no alto da Colina Sagrada.

 - Procissão do Senhor Bom Jesus dos Navegantes: acontece no dia 1º de janeiro. Os barcos cruzam a Baía de todos os Santos carregando a imagem do Bom Jesus até a capela da Boa Viagem.

Em fevereiro há a festa em homenagem à Iemanjá, a Rainha do Mar no Rio Vermelho. As pessoas – adeptas ou não do candomblé – fazem suas oferendas à deusa, lançando-as ao mar.

Outras festas importantes na cultura popular são as Festas Juninas, que acontecem durante o inverno. A mais famosa é a Festa de São João, que acontece na 2ª quinzena de junho. No dia 2 de julho se comemora a Independência da Bahia e em setembro acontece a festa de São Cosme e Damião, quando os devotos fazem caruru e distribuem doces para as crianças.

Passagens aéreas para Salvador

Algumas companhias aéreas oferecem voos diretos para Salvador, pousando no aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães, conhecido antigamente como Aeroporto 2 de julho. O aeroporto é o maior do Nordeste do Brasil, localizado a 28 quilômetros do centro da cidade. Possui capacidade para receber seis milhões de passageiros por ano. 

 Salvador Ofertas

Hotéis em Salvador

Aluguel de carros em Salvador

Os preços exibidos nesta página são somente os preços estimados mais baixos. Encontrados nos últimos 45 dias.