Noticias Inspiração Coreia do Sul: descubra as cidades mais interessantes do país

Todos os artigos

Coreia do Sul: descubra as cidades mais interessantes do país

A Coreia do Sul vem se tornando um dos destinos mais procurados da Ásia, tanto que é um dos destinos que serão tendências de viagem em 2018. Descubra as cidades mais interessantes da Coreia do Sul e entenda porque este país e seu povo são tão singulares.

Seul

A capital sul-coreana é uma das mais exuberantes cidades asiáticas, unindo prédios ultramodernos, ruas arborizadas, museus e culinária cada vez mais famosa pelo mundo.

Encontre as passagens mais baratas para Seul, basta clicar na foto!

Encontre as passagens mais baratas para Seul, basta clicar na foto!

Seul ainda reserva diversos parques e áreas que harmonizam as paisagens da natureza às construções modernas, sendo a revitalização do riacho Cheonggyecheon, que de esgoto foi transformado em uma importante área de convivência familiar, uma referência mundial.

Não falta o que ver e fazer em Seul, desde atrações cheias de personalidade, como o Mercado Medicinal, até relaxantes, como as casas de banho coreano e a charmosa Aldeia Hanok de Bukchon.

Passagens aéreas baratas

Os locais mais visitados são o Memorial de Guerra da Coreia, espaço monumental que lembra o conflito que matou 2,5 milhões de civis, e o Gyeongbokgung Palace, palácio da Dinastia Joseon e que é exemplo do singular minimalismo sul-coreano: chique, mas sem exageros, dando mais enfoque às cores do que aos brilhos.

Rodeada por montanhas, Seul também é um ótimo ponto de partida para passeios de um dia. Uma dica é visitar o Bukhansan National Park, a apenas 16 km da cidade e acessível pelo bem organizado transporte público da capital.

Clique na foto para buscar hotéis em Seul!

Clique na foto para buscar hotéis em Seul!

Aplicativo Skyscanner

O local possui trilhas de diferentes extensões e níveis de dificuldade, todas com vistas dos entornos e dos altos prédios de Seul. No inverno, fica coberto de neve e com tons acobreados nas plantas e pelo chão.

Além disso, há vários mercados imperdíveis em Seul. Parada obrigatória, porém, é o Gwangjang, que é o mais antigo e um dos mais interessantes, pois vende desde artigos locais, principalmente roupas e artesanatos, a vários tipos de comida típica.

Diferentemente de muitos mercados centenários da Ásia, é organizado e bem iluminado, sem deixar de oferecer alguns alimentos peculiares, como minis polvos que são degustados ainda vivos.

Sokcho

No norte do país, Sokcho é pequena, porém cheia de belezas naturais, atrações e eventos. O Monte Seoraksan, localizado no parque nacional de mesmo nome, é ornamentado com um enorme Buda de bronze e um delicado templo budista, sendo um dos principais atrativos da cidade.

Para encontrar hotéis em Sokcho, basta clicar na foto!

Para encontrar hotéis em Sokcho, basta clicar na foto!

Foto: Littlenomadid

Sokcho também guarda um parque aquático e uma construção bastante excêntrica, a Sokcho Expo Tower, cuja estrutura anelar e curvada faz o prédio lembrar uma minhoca. Em outubro, as ruas da cidade são tomadas por desfiles, danças e banquinhas de rua que marcam o Festival Cultural de Sokcho.

Ilha de Jeju

De origem vulcânica, a Ilha de Jeju, porção mais ao sul do país, é uma das Sete Maravilhas da Natureza e um dos locais mais fantásticos da Coreia do Sul.

Busque hotéis na Ilha de Jeju, clicando na foto!

Busque hotéis na Ilha de Jeju, clicando na foto!

Nessa terra mágica, que tem no centro o pico de um vulcão desativado, é possível escalar montanhas, caminhar em cavernas feitas de lava, tomar sol em belas praias, mergulhar em piscinas naturais e conhecer um parque erótico.

É isso mesmo que você leu, o Jeju Loveland é mais uma prova de que os sul-coreanos são para lá de originais, reunindo, a céu aberto e apenas para maiores de 18 anos, diversas esculturas homenageando o mundo do sexo.

Busan

Segunda maior da Coreia do Sul, com cerca de 3.7 milhões de habitantes, Busun é uma das 7 das cidades menos buscadas na Ásia, mas isso não quer dizer que seja desinteressante. Portuária, é cortada por muitos canais e lembra Seul pelo contraste do moderno, nos prédios, com o antigo, nos templos, e da natureza, nos entornos verdes.

As melhores ofertas de voos para Busan estão aqui, clique na foto e veja!

As melhores ofertas de voos para Busan estão aqui, clique na foto e veja!

No entanto, Busun se diferencia de Seul principalmente por abrigar a Gamcheon, região que guarda semelhanças a favelas cariocas, mas foi revitalizada e, hoje, tem todas as casinhas pintadas de cores intensas e criativas intervenções artísticas.

Também merecem destaque as praias e pequenas ilhas, o Haedong Yonggung, templo budista construído sobre rochedos na beira do oceano, a Rua Gwangbokro, ótima para caminhar, jantar e fazer compras à noite, e o aquário, enorme e tecnológico.

Boryeong

Um dos mais divertidos festivais de rua do mundo faz Boryeong, município do centro-oeste do país, receber milhões de visitantes em julho.

Encontre um hotel em Boryeong, é só clicar na foto!

Encontre um hotel em Boryeong, é só clicar na foto!
O Festival de Lama de Boryeong tem o nome bem explicativo: as festividades consistem, basicamente, em jogar lama uns nos outros e se divertir em brinquedos infláveis gigantes, como escorregadores e pula pulas, todos enlameados.

Quem vai para o festival também descobre que Boryeong é bem receptiva, com praias, ilhas, lagos, parques e um grande museu a céu aberto.

Gyeongju

No sul do país, Gyeongju acomoda um dos mais belos complexos religiosos da Coreia do Sul, formado principalmente pelo o Templo Bulguksa e pela Gruta de Seokguram, ambos Patrimônios da Humanidade.

Descubra onde se hospedar em Gyeongju, clicando na foto!

Descubra onde se hospedar em Gyeongju, clicando na foto!

O templo, construído em 751, é grandioso, possui diversas escadarias e está rodeado de árvores, ficando ainda mais belo à noite, quando é iluminado e refletido nas águas que o cercam. Já a gruta, que atualmente é artificial, guarda uma enorme estátua de Buda esculpida em pedra, também datada dos anos 700.

Pyeongchang

Em 2018, Pyeongchang, situada no nordeste do país, será a sede dos Jogos Olímpicos de Inverno e isso já mostra que o barato por ali é curtir esportes de neve nas altas montanhas, que ocupam cerca de 80% da cidade.

Clicando na foto, você encontra ofertas de hotéis em Pyeongchang!

Clicando na foto, você encontra ofertas de hotéis em Pyeongchang!
Foto: Sports Vice

As estações de esqui são bem equipadas e contam com bons locais para iniciantes; quem se cansar de neve pode se divertir num ambiente mais caloroso, visto que Pyeongchang também abriga parques aquáticos fechados.

Texto por Iami Gerbase, da Editora O Viajante

Busque suas passagens aéreas para estes e outros destinos agora mesmo!

Mapa

Leia mais:

As cidades mais baratas e as mais caras para visitar na Ásia

6 destinos baratos no Sudeste Asiático

Tour Gastronômico: os melhores pratos típicos do mundo

Newsletter Skyscanner