Noticias Turismo na Terceira Idade: idosos ganham o mundo depois dos 60!

Todos os artigos

Turismo na Terceira Idade: idosos ganham o mundo depois dos 60!

Brasileiros estão descobrindo as vantagens e os benefícios de viajar na Terceira Idade. A tendência é que idosos movimentem cada vez mais o setor turístico, estimulando promoções, benefícios e serviços exclusivos.
Mapa

Coautoria de Constance Laux

A população idosa está crescendo no país: 1 em cada 4 brasileiros terá 65 anos ou mais em 2060, o mesmo que 58,2 milhões de pessoas, segundo projeções do IBGE.

Em meio a este cenário, estudos do Ministério do Turismo apontam ainda que 25% dos brasileiros com mais 60 anos têm a intenção de viajar. Desse total, até 59% opta por destinos domésticos e a maioria prefere fazer passeios acompanhados.

Para tirar a prova desses dados todos e também para marcar o Dia dos Avós (26 de julho), trouxemos dicas de uma viajante muito especial: a Vovó Izaura, que é uma inspiração e tanto para quem quer continuar viajando, não importa a idade!

Além disso, comentamos algumas questões importantes sobre viagens para idosos e damos dicas para quem precisa economizar para viajar. Confira!

Dicas da Vovó Izaura

Com 78 anos, um estilo alto astral e mais de 20 mil seguidores no Instagram, a Vovó Izaura já visitou as vinícolas no Chile, as Cataratas do Iguaçu, Holambra e outros destinos perfeitos para viajar na melhor idade.

Atualmente, vive em Florianópolis, mas sempre que pode dá um pulinho em Gramado. Viaja geralmente acompanhada do filho, mas não tem medo de viajar sozinha. Com toda sua experiência e jovialidade, Vovó Izaura, ao lado de Márcio, nos deu dicas preciosas para quem quer viajar e seguir viajando em qualquer fase da vida. Dá uma olhada!

Para viajar mais e melhor, é importante…

Durante nossa conversa, ficou clara a importância de seguir uma alimentação saudável e manter corpo e mente sempre ativos. Por isso, para D. Izaura, o segredo consiste em:

  • Refeições balanceadas. Nada de exageros, mesmo em Gramado, onde os chocolates são verdadeiras tentações, D. Izaura opta pelo café sem açúcar ou chás, que, inclusive, são sua especialidade;
  • Boas noites de sono. E isso não significa dormir muito cedo e madrugar. D. Izaura costuma ficar acordada até tarde, mas adverte que é bom respeitar as 8 horas de sono por noite;
  • Caminhadas. Durante o dia a dia, D. Izaura costuma caminhar 2 horas por dia, no mínimo. E, durante suas viagens, Uber ou táxis só quando muito necessário! As 2 horas de exercício costumam duplicar e até triplicar quando está conhecendo um destino novo.

“Capriche na bagagem, mas não exagere!”

Vaidosa e estilosa que só, D. Izaura tem uma mala especial para seus chapéus, não importa o destino. Com a ajuda de Márcio, ela escolhe as peças com carinho, pensando em detalhes como clima e tipo de destino.

Depois de uma taxa de R$ 500 por excesso de bagagem, contudo, a quantidade de chapéus passou a ser ponto importante na hora de arrumar as malas. Além disso, Márcio comenta que sempre tentam viajar com malas pesando menos que o limite permitido.

Dessa forma, sobra espaço para as compras na volta, nenhuma multa é aplicada e os looks voltam renovados.

Confira nossas dicas infalíveis para arrumar as malas!

Um destino bom é aquele que…

Para Márcio, o mais importante na hora de escolher um destino é levar em consideração o perfil do viajante. No caso da D. Izaura, o destino perfeito é aquele onde:

  • o clima seja agradável – tanto que eles amam a Serra Gaúcha;
  • tenha boa acessibilidade, sem exigir muito esforço para se deslocar entre um lugar e outro;
  • permita roteiros variados, com boa gastronomia, cafés e casas de chá principalmente.

Antes de reservar um hotel, todo detalhe deve ser observado!

Márcio e D. Izaura costumam avaliar três itens antes de reservar um hotel:

  1. Limpeza: que deve ser impecável para uma estadia de qualidade;
  2. Localização: com fácil acesso aos principais pontos turísticos da cidade e segurança;
  3. Mobilidade: elevador e quartos bem equipados também são importantes.

A importância do mês mais barato

Tanto Márcio como D. Izaura amam viajar. E para conseguir fazer mais viagens ao longo do ano, optam por fugir da alta temporada, viajando sempre no mês mais barato.

Para eles, a baixa temporada é sinônimo de economia e tranquilidade – elemento essencial para viajar na melhor idade. Com menos turistas, restaurantes e pontos turísticos ficam mais agradáveis e a D. Izaura consegue pousar tranquilamente para suas fotos radiantes!

App de viagens

O que mais precisamos saber sobre viagens e idosos?

Agora que você conferiu as dicas da Vovó Izaura, é hora de conferir outras questões pertinentes quando o assunto é viagem e terceira idade, olha só!

Quais são as vantagens de viajar na terceira idade?

Uma das principais vantagens é poder viajar sem se preocupar com datas, já que trabalho e compromissos não costumam ser um impedimento. Quem não gostaria de viajar sem ter prazo para voltar?

Além disso, para aproveitar a programação de uma cidade, idosos têm descontos em eventos culturais, esportivos ou de lazer. As regras variam entre municípios e estados, mas geralmente basta apresentar um documento de identidade na bilheteria para comprovar que é maior de 60 anos.

Idoso tem desconto em passagem aérea?

Infelizmente não. O idoso tem sim privilégios no transporte aéreo, como direito à assistência especial ao embarcar e desembarcar, prioridade no acesso à aeronave e preferência pelos assentos próximos às portas.

Porém, nada obriga empresas aéreas a concederem descontos.

Que tal viajar barato para o Caribe? Veja ofertas de passagens!

Existe passagem gratuita para idosos?

Sim! O artigo 40 do Estatuto do Idoso (Lei nº 10.741/2003) estabelece o transporte gratuito em ônibus, trem ou barco para idosos de baixa renda em viagem interestadual.

Essa lei garante duas vagas gratuitas para maiores de 60 anos com renda igual ou inferior a dois salários mínimos. Caso as duas vagas já estejam preenchidas, deve ser aplicado um desconto de, no mínimo, 50% do valor da passagem.

A medida é válida para veículos convencionais, isto é, não contempla ônibus executivos, leito-cama ou similares.

Como conseguir passagem de ônibus de graça?

É necessário fazer uma solicitação diretamente nos pontos de vendas da empresa responsável pelo trajeto.

Para emitir o bilhete de viagem gratuito, é preciso ter um documento de identidade e um comprovante de renda. Alguns dos documentos aceitos como comprovante: carteira de trabalho com anotações atualizadas; carnê de contribuição do INSS; extrato de pagamento de benefício do INSS ou outro regime de previdência.

Outra possibilidade, a mais fácil delas, é mostrar a Carteira do Idoso.

O que é a Carteira do Idoso?

É um documento utilizado para agilizar o atendimento nas rodoviárias. Em posse dele, não é necessário apresentar nenhum outro documento para comprovar renda ou idade.

Para solicitar a Carteira do Idoso, deve-se procurar o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) da sua cidade. O idoso será incluído no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e receberá o Número de Identificação Social (NIS).

Saiba como comprar passagens mais baratas!

Outras dicas de viagem para idosos

Para garantir que a viagem transcorra bem, é fundamental seguir algumas recomendações básicas.

Evitar trajetos longos

A primeira dica é levar em consideração a quantidade e a duração dos voos ou dos deslocamentos em ônibus, para não abusar de trajetos longos.

No transporte aéreo, o melhor é evitar conexões, principalmente as que têm um intervalo muito curto entre um voo e outro. As escalas, apesar de não ser necessário descer da aeronave, podem tornar a viagem muito longa e, consequentemente, mais cansativa.

Montar um roteiro mais leve

Outra dica é incluir menos passeios no roteiro, considerando tempo extra para cada atividade e incluindo no planejamento alguns dias a mais. Assim, é possível aproveitar cada lugar com calma e, eventualmente, dedicar mais horas a atrativos não previstos ou àqueles que mais agradaram.

Fazer um check-up antes de viajar

É de suma importância consultar um médico antes de viajar e fazer um check-up preventivo.

Levar os medicamentos necessários

Principalmente para viagens internacionais, deve-se levar todos os remédios de uso contínuo e, por garantia, ter uma cópia das receitas médicas.

Fazer um seguro de saúde

Para viagens internacionais, fazer um bom seguro saúde é impreterível: preste atenção nas letras pequenas das apólices, para garantir que qualquer tipo de eventualidade estará coberto.

Busque as passagens mais baratas

Descubra voos com desconto para o seu destino dos sonhos! É só informar o nome da cidade que você quer visitar, escolher o mês mais barato em vez de uma data específica.

Quanto antes você fizer a sua busca, melhor: assim dá tempo de criar um alerta de passagens e monitorar os preços até encontrar uma melhor oferta.

Mapa

Fontes: UOL, UOL Viagem, CNM

App de viagens
Confira as avaliações de viajantes como você e veja porque o Skyscanner é o melhor aplicativo para encontrar passagens aéreas em promoção, hotéis baratos e aluguel de carros.

Avaliado por Adijalba Costa on 06 de Fevereiro, 2019

Excelente para ver preços e receber alertas.

Avaliado por Tiago Almeida on 03 de Fevereiro, 2019

Excelente app para pesquisa de tudo relacionado com viagens.

Avaliado por Vitoria Xavier Blanes on 02 de Fevereiro, 2019

Fácil de usar e muito eficiente! Já economizei muito com os alertas de preços.

Avaliado por Mateus Custódio on 31 de Janeiro, 2019

Melhor aplicativo para sua procura e comparação em viagens baratas!

Avaliado por Alisson Silva on 16 de Janeiro, 2019

Melhor app pra pesquisar voos baratos.