Noticias Natureza e vida no campo: conheça o Turismo Rural

Todos os artigos

Natureza e vida no campo: conheça o Turismo Rural

Está em busca de uma experiência diferente? O turismo rural é excelente alternativa para fugir da rotina e viver o dia a dia do campo. De bônus, você ainda contribui para o crescimento de um dos segmentos turísticos mais bacanas.
Mapa

Você sabia que mais de 80% da população brasileira vive em cidades? Se o ritmo acelerado dos centros urbanos é a realidade da maioria, a busca por tranquilidade também. É por isso que as iniciativas voltadas ao turismo rural têm crescido em oferta e em público.

Um final de semana no campo é a oportunidade que muitos buscam para fugir da rotina das cidades, descansar em meio à natureza e, especialmente, resgatar as raízes. Hoje somos urbanos, mas até um passado não muito distante, o meio rural era nossa realidade.

Para ajudar você a entender melhor o assunto, explicamos nesse post o que é turismo rural e qual a importância desse segmento. E para incentivar a viagem rumo ao interior, selecionamos também 8 destinos ideais para curtir a tranquilidade, resgatar a história e voltar às origens.

O que é turismo rural?

O termo “turismo rural” pode causar estranheza, mas talvez você já tenha ouvido falar em turismo na natureza, turismo no interior ou, especialmente, em agroturismo. Os termos variam, mas de maneira geral, todos eles podem ser entendidos como sinônimos.

Passagens aéreas para todo o Brasil em oferta

De acordo com o Ministério do Turismo, turismo rural é “o conjunto de atividades turísticas desenvolvidas no meio rural, comprometido com a produção agropecuária, agregando valor a produtos e serviços, resgatando e promovendo o patrimônio cultural e natural da comunidade”.

Para o visitante, em termos de possibilidade do que fazer, o turismo rural pode envolver estadia em hotel-fazenda, refeições elaboradas com alimentos orgânicos e prática de atividades recreativas, esportivas e de lazer. Pode envolver também o acompanhamento da produção agrária e, muitas vezes, compra de alimentos feitos com base nesses produtos. 

O turismo rural, nos moldes de como o conhecemos hoje, surgiu na Europa em meados da década de 1950 como estratégia de valorização da vida campesina.

No Brasil, a iniciativa nasceu na década de 1980, em Lages (SC), e gradativamente se expandiu para o restante do estado ao ponto de servir como exemplo para outros destinos do país.

Por que incentivar o turismo rural?

Para o morador dos grandes centros urbanos, o turismo rural funciona basicamente como oportunidade de vivenciar algo diferente. No entanto, para o morador do campo representa a chance de gerar novas oportunidades de renda e de melhorar de qualidade de vida.

Reserve agora passagens aéreas em promoção!

As propriedades rurais têm encontrado no turismo uma maneira de evitar o êxodo, conservar os recursos naturais e o patrimônio cultural, valorizar suas práticas e integrar-se com a comunidade.

As particularidades da geografia e da história de cada região contribuem para que as vivências no interior do Brasil sejam muito diferentes entre si. Dessa forma, toda a experiência de turismo rural, mesmo que seja na mesma região ou na mesma cidade, terá algo de diferente.

Embora aqui tenhamos selecionado oito destinos ou circuitos que se destacam a nível nacional, você pode começar explorando seu entorno. Basta se deslocar um pouquinho em direção ao interior para encontrar lugares com essas características.

8 destinos de turismo rural no Brasil

1. Acolhida na Colônia (Santa Catarina)

Foi na década de 1980, em Lages, que as primeiras fazendas abriram suas portas para o turismo. A iniciativa da cidade catarinense logo ganhou força no estado e, em 1999, nasceu o projeto Acolhida na Colônia.

Foto: Acolhida na Colônia/Divulgação

Veja ofertas de voos para qualquer lugar do Brasil!

Dezenas de propriedades, em 21 cidades espalhadas por cinco regiões de Santa Catarina, oferecem atividades voltadas ao turista. Nessas propriedades, onde a estadia normalmente é em pequenos chalés, todas as refeições costumam estar inclusas.

É do próprio cultivo do local que saem os ingredientes para fazer pães, queijos, geleias e outras delicias. A boa mesa funciona como atrativo, mas é a troca de experiências com os colonos o que mais surpreende.

2. Caminhos Rurais (Porto Alegre, RS)

E não é que até grandes cidades contam com iniciativas de turismo rural? Porto Alegre, dona da segunda maior área rural entre as capitais brasileiras, também tem um projeto nesses moldes. Basta se afastar cerca de 30 Km do centro para chegar a alguma das 17 estâncias que compõem os Caminhos Rurais.

Foto: Caminhos Rurais/Divulgação

Reserve voos em oferta agora mesmo!

As atividades de sustento das propriedades variam, assim como as atividades ofertadas ao visitante: dos passeios a cavalo ao contato com animais silvestres, do turismo pedagógico ao turismo rural, da compra de produtos orgânicos à compra de flores e mudas.

3. Caminhos de Pedra (Bento Gonçalves, RS)

A fama de Bento Gonçalves normalmente está associada ao Vale dos Vinhedos, onde são produzidos alguns dos rótulos de vinhos mais conhecidos do Brasil.

Foto: Prefeitura de Bento Gonçalves

Encontre os melhores voos a partir do Brasil

No entanto, a cidade conta também com um trajeto de valorização e preservação da cultura dos imigrantes italianos que colonizaram a região: o Caminhos de Pedra.

O percurso de 12 km, considerado Patrimônio Histórico do Rio Grande do Sul, reúne mais de 50 propriedades transformadas em diferentes negócios, normalmente gerenciados por descendentes desses imigrantes.

Você encontrará casas especializadas em diversos produtos: casa da ovelha, casa da tecelagem, casa do doce, casa do tomate, e por aí vai; sem contar os restaurantes, as vinícolas e as pousadas.

4. Circuito das Frutas (São Paulo)

Dentre tantos destinos de final de semana saindo de São Paulo, os municípios integrantes do chamado Circuito das Frutas são excelente alternativa para o turismo rural.

Foto: Circuito das Frutas/Divulgação

Reserve agora suas passagens aéreas com os melhores preços!

As festas que marcam a época de colheita de cada fruta não existem só aqui, mas Brasil afora. O diferencial desse circuito é a chance de conhecer as propriedades onde parte delas são plantadas.

Em Itupeva, na Adega Lourençon, o visitante pode conhecer os parreirais de uvas e degustar sucos e vinhos feitos na propriedade. Em Louveira, na Chácara Alvorada, além da variada produção de frutas, o destaque fica por conta da comida campeira. Em Jundiaí, na Frutaria Santa Ignês, os sucos feitos a partir do próprio plantio matam a sede.

5. Vale do Café (Rio de Janeiro)

Durante parte do século 19 o Brasil foi responsável pela produção e exportação de 75% do café consumido no mundo. Parte dessa história segue preservada em função do Vale do Café, denominação turística dada a porção fluminense do Vale do Paraíba.

Foto: Fazenda União/Divulgação

Os melhores voos estão aqui, basta clicar!

A região, formada por 12 municípios, entre eles Vassouras e Barra do Piraí, é testemunha desse período de riqueza.

As fazendas históricas, abandonadas logo após o fim da escravidão e reerguidas em função da valorização cultural, são o grande atrativo.

Nas visitas se tem a chance de aprender sobre a família dona de cada fazenda e sobre a história da região. Um café com produtos da roça costuma marcar o final do passeio.

6. Venda Nova do Imigrante (Espírito Santo)

A região serrana do Espírito Santo, marcada pela exuberância da Pedra Azul, é conhecida também pelas propriedades voltadas ao turismo rural.

Foto: Fazenda Carnelli/Divulgação

Reserve voos em oferta agora mesmo!

Venda Nova do Imigrante, considerada a capital nacional do agroturismo, conta com 70 locais abertos à visitação. O mais conhecido deles é a pioneira Fazenda Carnielli, que iniciou as atividades ainda na década de 1980.

Outros empreendimentos da zona rural garantem diversidade ao passeio, como as fazendas dedicadas ora à produção de vinho, ora à produção da cachaça.

No entorno de Venda Nova, especialmente em Domingos Martins, algumas propriedades de plantio oferecem também atividades de colheita de fruta do pé. Turismo de experiência puro!

7. Interior de Pernambuco

Nem só de mar e frevo vive Pernambuco! Quem se interessa em conhecer o Nordeste além das praias pode explorar os atrativos do interior do estado.

Foto: Fazenda Betânia/Divulgação

Baixe nosso app de viagem!

Dezenas de propriedades, em doze municípios de diferentes regiões, integram a Associação Pernambucana de Turismo Rural (Apeturr), e oferecem hospedagem, visitação e dezenas de atividades de lazer.

Como os locais estão dispersos pelo interior, é preciso conhecer um de cada vez. No Engenho Cachoeira, em Ribeirão, se tem a chance de conhecer a criação de búfalos e de provar todas as iguarias feitas a partir do leite e da carne do animal. Na Fazenda Brejo, em Saloá, é possível fazer trilhas, tomar banho de cachoeira e passear a cavalo.

8. Rota do Café Verde de Baturité (Ceará)

Nessa região, é possível visitar algumas fazendas com cafezais orgânicos cultivados à sombra da Mata Atlântica, um estilo de plantio muito específico, com colheita artesanal e de pequena produção, mas que rende um sabor especial ao Café de Sombra.

Visitando fazendas e sítios da Rota, você pode provar o café produzido no local e levar para casa um legítimo café cearense, um dos melhores cafés do Brasil.

Foto: Jade Knorre

Encontre ofertas de voos para onde você quiser ir!

Dentre todas as propriedades, destacamos o Sítio Águas Finas, onde o visitante pode fazer um tour pela plantação de café de sombra, e acompanhar todo o processo de colheita (totalmente artesanal), secagem e moagem dos grãos. A parte mais interessante é colher o café e provar a fruta direto do pé!

Aprecie também uma visita ao Sítio São Luís, onde também há uma pequena explanação sobre a história do café na região e sobre a família dona do sítio. Depois da aula de história, os visitantes seguem para a cozinha do antigo casarão e provam um delicioso café passado na hora, acompanhado de bolo de banana e café, pão caseiro e geleia.

Confira agora mesmo voos para qualquer destino!

Agora que você já sabe onde pode viver experiências de turismo rural, que tal garantir passagens aéreas baratas para desbravar o Brasil? Se você for começar pelos lugares mais próximos de casa, basta alugar um carro e pegar estrada! Busque agora:

Mapa

Leia também:

9 hotéis no Brasil para você se desligar de tudo
8 cidades charmosas para visitar de norte a sul do Brasil
Cidades que são perfeitas para visitar no inverno