O Covid-19 (coronavírus) pode afetar seus planos de viagem. Seja qual for seu destino, veja aqui as últimas recomendações.

Noticias Quem tem boca vai a Roma – e quem lê esse texto aproveita muito mais!

Todos os artigos

Quem tem boca vai a Roma – e quem lê esse texto aproveita muito mais!

Confira as principais informações para planejar a sua viagem e descobrir o que fazer em Roma!

Poucos lugares no mundo têm tanta história quanto a capital da Itália, e isso fica claro em uma lista sobre o que fazer em Roma. Desde sua mitológica fundação, em 753 a.C., ela foi palco de alguns dos momentos mais marcantes da humanidade.

Não à toa é chamada de Cidade Eterna. E, felizmente, é possível respirar esse ar e conhecer um pouco do que ela representa a cada caminhada por suas ruas. Entre um gelato e outro, depois de uma boa pasta com vinho, há incríveis passeios em Roma.

Quer saber mais? Confira abaixo!

Onde fica Roma?

Quarta cidade mais populosa da União Europeia, Roma está na porção centro-ocidental da península itálica. Além de todas as lendas e fatos históricos em que a capital da Itália está envolvida, uma outra característica ainda a torna mais especial: é a única cidade no mundo que tem em seu interior um país inteiro, o Vaticano.

Pertinho de Roma, há algumas outras cidades turísticas, como Tivoli (30 minutos*), Nápoles (90 minutos*), Florença (90 minutos*) Pompéia (70 minutos*). Dá ainda para esticar para outras duas regiões bem famosas, por um pouquinho mais de tempo: Milão (3 horas*), Veneza (4 horas*).

*Tempo estimado para viagens de trem.

Curta a Itália a seu tempo: roteiros de 7 a 20 dias. Vem ver!

Melhor época para visitar Roma

A primavera, sem dúvida, é a melhor época para visitar Roma. Em abril, ainda pode chover um pouco mais, mas entre maio e junho a temperatura em Roma é agradável, há muitos dias de Sol e, certamente, você vai aproveitar bastante.

Entre julho e agosto, o calor é forte, então é bom evitar, assim como os meses de novembro a janeiro – só que por causa do frio. Em outubro, costuma chover bastante, e é justamente uma “transição” entre os meses mais quentes e mais frios.

Precisa de visto para Roma?

A Itália é um dos países que não exigem visto dos brasileiros para turismo, mas, por integrar o Espaço Schengen, pode solicitar seguro viagem Europa no valor de 30 mil euros, passagem de retorno, reservas de hospedagem e comprovante de renda para o período de estadia no país.

É necessário visto para a Europa? Entenda como funciona!

Qual o idioma em Roma?

Na Itália, fala-se italiano, porém quase todo mundo também sabe inglês. O ideal é aprender algumas palavrinhas/expressões básicas no idioma local, como:

  • Bom dia! – Buongiorno!
  • Boa tarde/boa noite! – Buonasera!
  • Olá – Ciao!
  • Tudo bem? – Va Bene?
  • Tchau! – Arrivederci!

E depois perguntar Parla Inglese? se quiser se comunicar em inglês. Os italianos, de modo geral, são bem receptivos e irão ajudar sem problemas.

Como chegar a Roma?

Tudo depende mais do seu destino anterior. Se estiver saindo do Brasil, claro, a opção é voar. O principal aeroporto da cidade é o Fiumicino, que fica a cerca de 30 km da capital, e uma passagem para Roma, saindo do nosso país, costuma custar na casa dos R$ 2 a R$ 3 mil.

Voo (ida e volta) Preço a partir de
Passagens aéreas de São Paulo para Roma A partir de R$ 2.290
Passagens aéreas do Rio de Janeiro para Roma A partir de R$ 2.416
Passagens aéreas de Brasília para Roma A partir de R$ 2.749

Mas para quem está na Europa, há outro aeroporto, o Ciampino, a 15km da capital, além os trens, claro. Há uma estação bem grande, chamada Termini, com trens chegando e saindo para quase todos os lugares que você imaginar dentro do Velho Continente. Basta conferir as informações no site da Trenitalia.

Quanto tempo ficar em Roma?

Essa questão depende muito do estilo da sua viagem, de quanto tempo você tem e o que fazer em Roma. Caso não seja daquelas pessoas que passam horas em museus e pontos turísticos, até um dia pode já bastar.

Já para apreciar o estilo de vida da capital italiana e deixar que a cidade surpreenda você durante longas caminhadas entre seus colossais pontos turísticos, considere de 5 a 7 dias.

Os viajantes costumam reservar pelo menos três dias e mesmo assim a viagem é intensa. De qualquer forma, vale a pena incluir Roma no seu roteiro pela Europa!

Hotéis em Roma

Há opções de hospedagem em Roma para todos os gostos. Dos mais econômicos aos luxuosos. Dos hostels e B&B’s até grandes hotéis. A principal área é a do Centro Storico, que fica perto de quase todos os pontos turísticos mais famosos. É um pouquinho mais caro, mas você pode fazer tudo a pé e está no coração da cidade.

Para quem quer economizar, a área da estação de Termini tem preços muito bons, porém seus arredores, especialmente à noite, inspiram cuidados. Outras opções interessantes são o bairro residencial de San Giovanni, mais calmo, e Trastevere, para quem curte a noite.

Considere a seguinte média de valores, de acordo com o tipo de acomodação escolhida. Os preços variam em função da localização e das comodidades oferecidas.

Categoria A partir de
Quarto compartilhado em Hostel R$ 37
Quarto duplo em Hotel simples R$ 90
Quarto duplo em Hotel três estrela R$ 103
Quatro duplo em Hotel quatro/cinco estrelas R$ 135

Onde comer em Roma

É claro que Roma também é um destino de sonho para quem ama gastronomia. Seja com as suas pizzas e gelatos, para lanches rápidos, até restaurantes mais chiques, com o que existe de melhor em massas. E não esqueçam dos doces, que também são divinos!

Se Litte Italy em Nova Iorque já é um sucesso, imagine a “Real Italy”. Uma boa pedida é ir ao Mercato Centrale Roma – que como em muitas grandes cidades, é um mercado enorme, com uma baita variedade de comidas locais.

Para quem busca ambientes mais descolados e restaurantes de alto nível, o bairro Trastevere tem diversas opções. Ombre Rosse, Grazia & Graziella, Pasta e Vino Osteria… Os preços são um pouco mais salgados, mas vale a pena. Ainda no Trastevere, o restaurante Carlo Menta costuma ter um ótimo custo-benefício.

E também existem os restaurantes consagrados, como o La Pergola, único da cidade com três estrelas no Guia Michelin. Ele fica no hotel Rome Cavalieri, da rede Waldorf Astoria, e é considerado um dos melhores não só da Itália, como da Europa.

O que fazer em Roma

Roteiro de 1 dia em Roma

Sim, é possível conhecer os principais pontos turísticos de Roma em um só dia:

  • Dia 1: Coliseu
  • Dia 2: Foro Romano
  • Dia 3: Monumento a Vitorio Emanuele II
  • Dia 4: Campidoglio
  • Dia 5: Panteão 
  • Dia 6: Fontana Di Trevi
  • Dia 7: Piazza San Pietro

Mas você vai precisar ser rápido. Comece o dia no Coliseu, depois visite o Foro Romano. Os dois ficam um do lado do outro. Quando acabar, caminhe em direção à Piazza Venezia. É ali que fica o belíssimo Monumento a Vitório Emanuele II. Subindo, é possível ir ao Capitólio, o local onde há uma estátua da famosa loba com os gêmeos Rômulo e Remo.

Pegue o metrô mais próximo ou um ônibus para a Piazza Navona, onde você pode almoçar antes de conhecer o Panteão e rumar para a imponente Fontana Di Trevi.

Dá para caminhar mais um pouquinho até a Piazza de Spagna e, por último, visitar o Vaticano, na Piazza San Pietro. O metrô te leva a todos os locais bem rapidinho e são só duas linhas, sem confusão.

O que fazer em Roma em 2 dias

Só que o ideal mesmo é ficar, pelo menos, dois dias em Roma. Assim, você consegue visitar as coisas com mais calma e fazer o Museu do Vaticano, que é imperdível. Caso tenha esse tempo extra, faça uma adaptação no primeiro dia.

Da Piazza de Spagna, você pode ir ao parque Villa Borghese ou até a Piazza del Popolo. Deixe o Vaticano para o dia seguinte – podendo conhecer a basílica, a praça e o museu, além de ir ao Castelo Sant’Angelo, que é bem pertinho.

Se for no domingo, você ainda acompanha a oração do Papa na Praça São Pedro. Para quem viu o filme “Anjos e Demônios”, esse roteiro é um prato cheio, porque várias locações do sucesso de Dan Brown fazem parte dele. 

Passear com tranquilidade pelo Rio Tibre (Tevere, em italiano), também é um passeio imperdível 😉

Roma Pass

Uma solução interessante para evitar filas e fazer você aproveitar mais os passeios em Roma é o Roma Pass.

Disponível em versões de 48h (28 euros) e 72h (38,50 euros), o passe dá acesso ilimitado ao transporte público (tram, metrô e ônibus), além de entrada gratuita a um ou dois museus (dessa lista) – incluindo Coliseu e Foro Romano. Outro benefício é que garante descontos em vários serviços para turistas na cidade.

O Museu do Vaticano, infelizmente, não está na lista, mas você pode comprar o ingresso pela internet (a partir de 17 euros). Lá, você também pode conhecer os jardins, a área de sítios arqueológicos e outros passeios completos.

Já sabe o que fazer nem Roma, mas agora quer achar passagens baratas para a capital italiana? Confira abaixo!

O que fazer em Roma você já sabe! Mas se ainda não definiu a melhor data para conhecer a cidade, faça uma busca pelo mês mais barato e deixe que a gente mostre os melhores meses para viajar!

Você também pode criar um alerta de preços para várias datas diferentes e vamos avisar você quando o melhor preço surgir!