Noticias Inspiração Destinos incomuns para visitar na América do Sul

Todos os artigos

Destinos incomuns para visitar na América do Sul

Além de trazer dicas destinos baratos, o Skyscanner leva você a conhecer lugares menos divulgados de América do Sul, mas tão lindos quanto os mais turísticos. Abra a cabeça (e os mapas), comece a se planejar e desbrave essa região com a gente!

Mapa

1. Caño Cristales (La Macarena) – Colômbia

Não à toa, Caño Cristales é considerado um dos rios mais lindos do mundo: algas e plantas aquáticas das mais diversas tonalidades colorem o seu fundo, mostrando um espetáculo de cores através de suas águas límpidas. As cores mais comuns são amarelo, verde, vermelho, rosa e verde.

 

Foto: Mario Carvajal

Voos para a Colômbia

Localizado na Serra La Macarena, na Colômbia, esse atrativo natural recebe turistas entre junho e dezembro, época de transição entre as estações seca e chuvosa. Chegar lá não é muito simples: você pode ir de barco pelo rio Guayabero, de avião desde as cidades próximas ou de carro 4×4 (com um trecho de balsa, pois o rio Guayabero está no meio do trajeto).

2. Parque Nacional Arqueológico de Tierradentro (Inza) – Colômbia

Foto: inyucho

Veja voos para Bogotá

Esse museu a céu aberto guarda tumbas, de onde se tem a vista da Cordilheira do Andes, além de pirâmides e cavernas adornadas com pinturas rupestres. O ideal é ficar aqui por dois dias (há camping à disposição) e conhecer com calma toda a área do Parque.

3. Cavernas de Mármore ou Capelas de Mármore (Puerto Río Tranquilo) – Chile

A natureza é tão incrível que supera até mesmo os truques de Photoshop: rochas acinzentadas mescladas com branco e tons de azul em contraste com a água do mar azul piscina, desenham uma paisagem surreal. Mas isso existe, e está no Chile, no Lago General Carrera.

Veja voos para o Chile

As cavernas, moldadas pelo movimento das ondas, remontam à era glacial e chamam atenção por sua complexidade – são inúmeros túneis, galerias e grandes cavernas que compõem as formações rochosas. Para chegar aqui, é necessário pegar um barco em Puerto Rio Tranquilo e torcer para que o dia seja ensolarado, pois os raios do sol potencializam o espetáculo de cores.

Skyscanner App

4. Cerro de los Siete Colores (Purmamarca) – Argentina

O noroeste argentino guarda uma surpresa muito colorida: o Cerro de los Siete Colores, montanha que, como o nome diz, é composta por faixas de sedimentos com muitas cores, especialmente se vistas ao amanhecer. Essas faixas coloridas contam um pouco da história geológica do planeta, pois ali estão resíduos marinhos e fluviais, arenito, calcário e outros minerais.

 

Foto: Humawaka

Encontre voos para a Argentina

O povoado mais próximo do Cerro de Sete Cores é Purmamarca, mas durante todo o trajeto pela região da Quebrada de Humauaca você percebe a variação de tons nas montanhas. Aproveite para conhecer também Tilcara, Humahuaca e Maimará, cidadezinhas que, como Purmamarca, são redutos de tranquilidade e cheios de histórias para contar.

5. Cerro Colorado (Hanchipancha) – Peru

E quem disse que o Peru é só Machu Picchu? A 1.600 km (24 horas de carro) de Purmamarca está uma região com as mesmas características do Cerro de Siete Colores, porém, fica no Peru. De mais difícil acesso, o Cerro Colorado fica nas proximidades da cidade de Arequipa, e é necessário fazer uma trilha de aproximadamente 4h de subida e 3h de descida. As cores das montanhas são impressionantes e muito nítidas.

Encontre voos para o Peru

Algumas agências de turismo oferecem o passeio a partir de Cusco, como uma daytrip, mas também é possível fazer esse trecho até a cidadezinha de Hanchipacha de táxi ou com transporte público. Prepare-se, pois a caminhada até o topo é desgastante, nem tanto pelo trajeto, mas especialmente em função da altitude da montanha, cerca de 4 mil metros.

6. Montañita – Equador

O custo de vida no Equador é baixo quando comparado ao Brasil, mas mesmo assim são poucos brasileiros que viajam para lá e, quando viajam, são mochileiros. A nossa dica aqui é Montañita, uma charmosa e badalada praia no litoral do Equador, conhecida tanto pela bela praia (ideal para surf) quanto pela atmosfera alternativa do local.

Foto: Maria Florine

Veja voos para o Equador

Para se hospedar, a oferta de hostels, hotéis e pousadas em Montañita tem aumentado cada vez mais. Há também uma boa infraestrutura com restaurantes, bares e lojinhas, e o centrinho ferve principalmente à noite, quando o reduto hippie dá espaço também para festas de música eletrônica.

Passagens aéreas Skyscanner

7. Valizas – Uruguai

Valizas é uma cidadezinha litorânea tranquila que se transforma principalmente no verão, quando suas as ruelinhas de chão batido ficam lotadas de viajantes, mochileiros, artesãos e atores de teatro de rua. Uma noite aqui no verão é o suficiente para você se apaixonar pelo ambiente cultural e alegre de Valizas. A paisagem da praia conta com dunas e um rio que deságua no mar – como em todo o litoral uruguaio, o mar é bem gelado.

 

Foto: Jade Knorre

Encontre voos para o Uruguai

O ideal é se programar em relação à hospedagem em Valizas, pois às vezes nem campings estão disponíveis devido à lotação da praia. Aproveite a proximidade com Cabo Polônio e conheça também essa reserva natural – é possível fazer uma travessia pelas dunas (4h de caminhada). Você pode chegar até Valizas de carro (3h 30 a partir de Montevidéu) ou de ônibus.

8. Sucre – Bolívia

Sucre, fundada em 1540, é considerada uma das cidades mais belas da Bolívia. Os prédios e praças em estilo colonial são muito bem preservados e as tradições indígenas são tão presentes quanto as memórias da colonização europeia. Por ser próxima às antigas minas de Potosí, outro destino boliviano incrível, Sucre foi sempre uma cidade próspera e muitos donos de minas construíam aqui seus casarões.

Foto: Jennifrog

Voos para a Bolívia

A cidade também é um dos grandes centros universitários do país, o que faz com que o clima aqui seja descontraído e com ampla oferta de atividades culturais. E não faltam restaurantes, bares, cafés e hospedagem em Sucre, e para todos os gostos!

App Skyscanner

Leia também:

5 destinos baratos para ver neve na América do Sul

10 praias para visitar na América do Sul

7 destinos baratos para visitar na América do Sul