Noticias Inspiração 15 cidades mais frias para visitar no Brasil nas férias de julho

Todos os artigos

15 cidades mais frias para visitar no Brasil nas férias de julho

Viajantes apaixonados pelo frio, preparem-se para uma viagem invernal incrível, é só escolher um destes destinos. De Minas Gerais ao Rio Grande do Sul, o que não faltam são lugares que são perfeitos para visitar no inverno no Brasil, confira!

Mapa

Gosta do inverno, quer tomar um bom vinho, comer aquele fondue e ainda visitar lugares de arquitetura charmosa? As cidades mais frias do Brasil proporcionam estas e outras experiências para suas férias de julho, confira!

Cidades mais frias do Brasil

1. Gonçalves, Minas Gerais

Um destino charmoso e em expansão no circuito turístico conhecido como Serras Verdes do Sul de Minas, Gonçalves fica perto da fronteira com São Paulo. No inverno, o termômetro pode zerar, deixando a cidade branca com a geada que cai ao amanhecer.

Para chegar em Gonçalves, o aeroporto mais próximo é o Viracopos, a 190 km de distância. Você pode alugar um carro em Campinas e cair na estrada!

Foto: Pousada Serra Vista

2. Monte Verde, Minas Gerais

Também em Minas, Monte Verde tem muito romantismo, além de opções de lazer para toda a família. A maioria das pousadas tem lareira e banheiras de hidromassagem. Inspirada nas cidades frias da Europa, a arquitetura é um deleite à parte.

O vilarejo pertence a Camanducaia, a 142 km de Campinas.

Foto: Pousada Suíça Mineira

3. Lavras Novas , Minas Gerais

A 17 km de Ouro Preto com pouco mais de 1.500 habitantes, Lavras Novas tem muita história, lendas e folclore para contar, baseados em acontecimentos ocorridos entre o quilombo (local onde se abrigavam escravos fugidos) e as milícias no período colonial.

Para chegar até aqui, o aeroporto mais próximo fica em BH. A jornada de 113 km é a desculpa perfeita para alugar um carro em Belo Horizonte e partir para uma road trip entre as cidades históricas de Minas.

Foto: Pousada Corumbé

4. Campos do Jordão, São Paulo

Conhecida como a Suíça brasileira, a cidade fica lotada no inverno. Campos do Jordão se especializou no turismo e oferece hotéis e restaurantes cinco estrelas, mas também pousadas e passeios para todos os bolsos.

A cidade fica a 182 km da capital paulista. Alugar um carro em São Paulo pode ser mais prático que pegar os ônibus ou recorrer aos transfers de agências de viagem. Mais liberdade na estrada, no caso 😉

Foto: Rodrigo Soldon

5. São Bento do Sapucaí, São Paulo

A 40 km de Campos do Jordão, São Bento do Sapucaí é uma alternativa barata para descansar ao friozinho da região. A cidade é uma das poucas estâncias climáticas do país.

Uma dica bacana de incluir esse destino nas suas férias de inverno é aproveitar a passada por Campos do Jordão e se hospedar em São Bento do Sapucaí – o charme é o mesmo, mas os preços podem sair mais em conta!

Foto: André Ruoppolo Biazoti

6. São Francisco Xavier, São Paulo

Para chegar à São Francisco, as estradas são cheias de curvas e com uma linda paisagem. Caminhadas na mata, cachoeiras, ribeirões, fauna e flora abundantes da encosta da Serra da Mantiqueira são suas principais atrações.

Quase na fronteira com Minas, a cidade pode tanto ser a parada final da sua rota entre as cidades frias de SP quanto ser o destino único.

Foto: Gabriel Castaldini

7. Petrópolis, Rio de Janeiro

Já no Rio de Janeiro, Petrópolis traz a história do Brasil em suas encostas. Escolhida por Dom Pedro II para ser seu retiro de verão, o Museu Imperial, onde era sua casa, é uma das maiores atrações do lugar.

Se você alugar um carro no Rio, pode percorrer a estrada de 70 km e se quiser esticar a rota, chegar a Teresópolis (55 km a diante), outro destino charmosíssimo para conhecer nas férias de julho.

8. Visconde Mauá, Rio de Janeiro

Do Rio de Janeiro, em direção a Minas Gerais, são 168 km até Rezende. Mais 40 km e você chegará em Visconde Mauá. A cidade que foi reduto hippie na década de 70, hoje tem pousadas e hotéis-fazenda que são a perfeição para curtir o frio que impera na região durante o inverno.

Foto: Carlos Siqueira

9. Nova Friburgo, Rio de Janeiro

Conhecida como a “capital nacional do lingerie”, a cidade que é bastante fria no inverno, oferece charmosas hospedagens, ótimas opções para comer e passeios pelo Parque dos Três Picos, que é sua maior atração.

Nova Friburgo fica a 140 km do Rio de Janeiro, onde está o aeroporto mais próximo da cidade.

Foto: Halley Pacheco de Oliveira

10. Urubici, Santa Catarina

Em Urubici, as temperaturas abaixo de zero são também bastante comuns no inverno, e turistas buscam a cidade atrás de neve. O centrinho é uma delícia e oferece boas opções gastronômicas, pousadas de qualidade e passeios pela natureza.

A Pedra Furada e o Morro da Igreja são as melhores atrações da região, assim como a Serra do Rio do Rastro, na vizinha Bom Jardim da Serra.

Uma sugestão para quem prentende conhecer as cidades mais frias de Santa Catarina é alugar um carro em Florianópolis e seguir viagem até Urubici (172 km de estrada). Depois, mais 60 km adiante, é possível chegar São Joaquim, nossa próxima dica de destino para o inverno.

Foto: Edi Galvani Uliano

11. São Joaquim, Santa Catarina

Em São Joaquim a chance de encontrar neve é altíssima. Sempre que chega o inverno, é a primeira cidade no país a ter a temperatura em torno de zero grau. Situada na Serra Catarinense, a 1.353 metros de altitude, está acostumada a receber muitos turistas, especialmente nesta época do ano.

A região é grande produtora de vinhos e frutas, proporcionando um tour gastronômico único.

Foto: Halley Pacheco de Oliveira

12. Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul

No Vale dos Vinhedos, onde está Bento Gonçalves, 30 produtores são responsáveis por mais de 12 milhões de garrafas de vinho ao ano. Além das baixas temperaturas que deixam o lugar muito agradável para quem quer curtir o inverno, conhecer as cantinas italianas e provar galeto e vinho é um dos melhores passeios. Não se pode deixar de percorrer as rotas do vinho e saber como são feitos.

O legal de Bento Gonçalves é que fica a 122 km de Porto Alegre, onde é possível alugar um carro. Um pouco antes de chegar a cidade (15 km, na verdade), faça uma parada em Garibaldi.

E não se esqueça há outras cidadezinhas igualmente encantadoras para o inverno, nos arredores de Bento Gonçalves e em todo o Vale dos Vinhedos.

Foto: Prefeitura de Bento Gonçalves

13. Cambará do Sul, Rio Grande do Sul

Cambará do Sul abriga os parques nacionais da Serra Geral e Aparados da Serra, onde a paisagem é de arrepiar. Uma esticadinha para um passeio leva aos cânions Itaimbezinho e Fortaleza, que são um deleite para quem visita o lugar.

O aeroporto mais perto de Cambará do Sul fica em Caxias do Sul. A distância entre um lugar e outro é de 135 km em média, mas os voos para esse terminal costumam ser mais caros que os voos para Porto Alegre (191 km de Cambará).

Foto: Jade Knorre

14. Gramado, Rio Grande do Sul

As estradas que levam à cidade são adornadas por hortênsias. E esse é apenas um dos motivos para conhecer Gramado: lá você encontra fondue, fábricas de chocolates e arquitetura alemã. O Lago Negro com pedalinhos é um passeio imperdível, com suas árvores trazidas da Floresta Negra da Alemanha. Além disso, a cidade também recebe anualmente, o Festival Internacional de Cinema.

Foto: Renato Soares – MTUR

Não tem aeroporto em Gramado, mas ao desembarcar em POA, você pode chegar facilmente chegar até a cidade: de ônibus, carro alugado e até mesmo transfer de hotéis e agências que operam na região. O caminho é de 105 km em média.

15. Canela, Rio Grande do Sul

Ligada à cidade de Gramado por uma via repleta de casas especializadas em cafés coloniais, Canela tem ótimas atrações. Lá está a mais alta cascata do Rio Grande do Sul, a Cascata do Caracol. O Parque da Ferradura é um lindo passeio em meio às montanhas.

Foto: Jade Knorre

Na cidade, bons hotéis e ótimos restaurantes aguardam os turistas no inverno. A igreja Matriz de Nossa Senhora de Lourdes, conhecida como a Igreja de Pedra, foi construída em estilo gótico inglês e também atrai a atenção dos turistas. Lojas com botas e jaquetas de couro estão entre os produtos mais apreciados do lugar.

Leia também:

Cidades que ficam ainda mais bonitas com a neve
5 destinos baratos para ver neve na América do Sul
As 15 mais belas cidades do mundo para ver neve

Busque suas passagens aéreas agora mesmo!

Mapa