Noticias Inspiração Roteiros e atrações imperdíveis no Cairo, da antiguidade ao Egito moderno

Todos os artigos

Roteiros e atrações imperdíveis no Cairo, da antiguidade ao Egito moderno

Que o Egito é imperdível, todos sabemos. Mas que a sua capital, Cairo é um dos 12 Destinos Tendência Skyscanner 2019, isso é novidade! Representante do mês de fevereiro, o Cairo é um lugar de extremos e porta de entrada para templos e santuários de uma das mais antigas civilizações do mundo. Veja o que fazer no Cairo e dicas de roteiro!
Mapa

O trânsito caótico, a intensa poluição, os ruídos incessantes e as cores desvanecidas pela poeira não fazem do Cairo uma cidade convidativa à primeira vista. A dinâmica capital do Egito, a maior do continente africano e do mundo árabe, parece desafiar seus visitantes a desvendar suas maravilhas.

E não são poucas! O Cairo e seus arredores, às margens do rio Nilo, guardam vestígios de uma civilização milenar e monumentos de uma rica cultura religiosa, incluindo belíssimas mesquitas — não à toa, é conhecida como a cidade dos mil minaretes.

Além de ter muita história para contar, a cidade chama a atenção por ser um dos 20 destinos de melhor custo-benefício para os brasileiros. Confira a seguir as 10 atrações principais e sugestões do que fazer no Cairo!

Pontos turísticos Cairo

1. As pirâmides de Gizé

Em Gizé, a 20km do centro de Cairo, está o maior símbolo do Antigo Egito: as pirâmides, construções monumentais de blocos de pedra, que datam de 2500 a.C. A maior delas, a Grande Pirâmide, tem mais de 140 metros e é a única das Sete Maravilhas do Mundo Antigo ainda de pé.

Reserve agora mesmo seu voo para o Egito!


Considerado um dos destinos dos sonhos dos brasileiros, o complexo arqueológico é, na verdade, uma imensa necrópole: as três pirâmides principais foram construídas para guardar os restos mortais dos faraós Queóps, seu filho Quéfren e seu neto Miquerinos.

Existe uma entrada geral para o complexo onde ficam as piramides do Egito, mas para visitar o interior de cada uma é necessário adquirir um ingresso vendido à parte.

Entrada: 10 libras egípcias (EGP) | Queóps 100 EGP | Quéfren 30 EGP | Miquerinos 25 EGP

2. A Grande Esfinge

Nesse mesmo complexo se encontra a Grande Esfinge, estátua da criatura mitológica com corpo de leão e cabeça humana. A hipótese mais aceita é que a cabeça humana em questão seja a do faraó Quéfren, que ordenou sua construção.

Os melhores voos para o Egito estão aqui!

Medindo mais de 73 metros de comprimento e 20 metros de altura, foi esculpida inteiramente de uma única pedra calcária. Uma de suas principais características é a ausência de nariz, até hoje um mistério.

A lenda mais popular é que ele teria sido danificado pelas tropas de Napoleão Bonaparte em 1798, mas desenhos precedentes já mostram a estátua desfigurada.

3. Mênfis e o Complexo de Saqqara

A 32km do centro de Cairo, o conjunto de pirâmides de Saqqara, que funcionava como a necrópole de Mênfis, capital do Antigo Egito, foi a primeira experiência dos egípcios nesse tipo de construção, há mais de cinco mil anos. Acredita-se que a pirâmide em degraus de Djoser serviu de modelo às demais edificadas nos séculos seguintes.

Foto: Charles J Sharp

Voos para o Egito em oferta!

Entre os atrativos da antiga Mênfis, se destacam as ruínas do Templo de Ptah, dispostas em um museu a céu aberto. A mais icônico delas é uma das colossais estátuas de Ramsés II, com mais de 10 metros e 80 toneladas — seu par foi recentemente transportado para a entrada do Grande Museu Egípcio, que deve ser inaugurado em 2020.

Entrada: Saqqara 60 EGP | Museu 80 EGP

4. Museu Egípcio

Situado na Praça Tahrir, palco dos protestos da Primavera Árabe em 2011, o Museu Egípcio é lar da maior coleção de antiguidades egípcias do mundo — são mais de 120.000 peças, incluindo múmias, sarcófagos, estátuas, joias, papiros, entre outros.

Foto: Bs0u10e01

O Egito te espera! Veja voos!

Entrada: o bilhete custa 60 EGP, mas o acesso à sala das múmias reais (100 EGP) e o direito de fotografar a exposição são cobrados à parte (50 EGP).

Uma ótima dica para quem quer almoçar nos arredores é o Koshary Abou Tarek, restaurante cuja especialidade é o prato típico que lhe dá nome, com lentilhas, arroz, macarrão, molho de tomate picante, grão de bico e cebola frita.

5. Cidadela de Saladino: o Cairo Islâmico

O Cairo Islâmico, no centro histórico da cidade, é facilmente reconhecido pela profusão de minaretes cor de areia e pelo panorama da Cidadela, fortaleza medieval construída por ordens do sultão Saladino para defender a cidade dos cruzados no século 12.

Encontre os melhores voos para o Egito!

Seu principal atrativo é a imponente Mesquita de Muhammad Ali, também conhecida como Mesquita de Alabastro, edificada entre 1830 e 1848 pelo líder otomano considerado fundador do Egito Moderno. A cidadela abriga ainda outras duas mesquitas, um palácio e dois museus, além de ter uma das vistas mais impressionantes da cidade.

Entrada: 50 EGP

6. Khan el-Khalili Bazaar

No coração do Cairo Islâmico está o labiríntico conjunto de ruelas e becos de um dos mercados mais antigos do mundo — os primeiros registros datam de 1382. São inúmeras tendas de tecidos, joias, luminárias, especiarias e tudo mais que você possa imaginar. A regra aqui é pechinchar até dizer chega!

Reserve seu voo promocional para o Egito!

Entrada: grátis

Dica: um bom lugar para descansar e ver o movimento do bazar é o El Fishawi, café fundado em 1773. A pedida são os tradicionais chás, em especial o karkade, uma infusão de hibisco considerado a bebida nacional.

7. Bairro Copta

Os coptas seguem uma das vertentes ortodoxas do cristianismo e têm inclusive seu próprio Papa, Teodoro II. Habitam a região desde o século 1 d.C, motivo pelo qual o Bairro Copta corresponde a uma das áreas mais antigas da cidade, protegida pelas muralhas da Fortaleza da Babilônia.

Foto: Djehouty

Encontre voos para o Egito!

No seu interior, encontram-se diversos templos cristãos, dentre os quais se destaca a Igreja Suspensa, construída sobre um local por onde acredita-se que Jesus, Maria e José teriam passado, e o Museu Copta, repleto de relíquias cristãs que revelam a mistura das tradições egípcias, gregas, romanas e otomanas.

Entrada: Igreja grátis | Museu 30 EGP

8. Rio Nilo

Símbolo do país e berço da civilização egípcia, o rio Nilo proporciona um agradável passeio, seja por suas margens no bairro de Zamalek ou pelo curso de suas águas.

Reserve agora mesmo seu voo para o Egito!

São várias as alternativas de navegação pelo rio, desde cruzeiros turísticos com jantares e shows folclóricos, até excursões a bordo de uma felucca, tradicional barco à vela de madeira.

Passeios: de 250 a 700 EGP

9. Torre do Cairo

O moderno distrito de Zamalek, que compreende a porção norte da ilha Gezira, em meio ao Nilo, é a região mais próspera e elegante da cidade. Ali se encontra a Torre do Cairo, que do alto de seus 187 metros entrega uma das vistas mais deslumbrantes da cidade.

Foto: Jorge Láscar

Encontre os melhores voos para o Egito!

O ideal é visitar ao entardecer e aproveitar para jantar no bairro depois — boas opções são o elegante Sabaya, com especialidades egípcias e libanesas, ou o autêntico Abou el-Sid, frequentado por locais.

Entrada: 60 EGP

10. Parque Al Azhar

Antigamente abandonado, esse parque foi revitalizado no começo dos anos 2000 e transformado em um espaço de convivência, com jardins e fontes de inspiração islâmica. Situado ao lado da Cidadela de Saladino, é um oásis em meio ao caos urbano.

Entrada: grátis

Foto: Moabdulghany

Quanto tempo ficar no Cairo?

Em 3 dias, você conhece os principais pontos turísticos, em um ritmo intenso. O ideal são 4 dias, para poder dedicar a cada atrativo o tempo necessário. Agora, se você for um amante da história egípcia e da arqueologia, reserve pelo menos 5 dias.

Roteiro Cairo

O que fazer no Cairo em 3 dias

  • Dia 1: Chegada ao Cairo + Museu Egípcio
  • Dia 2: Pirâmides de Gizé e Esfinge + Mênfis e Saqqara
  • Dia 3: Mercado Khan El-Khalili + Cidadela e Mesquitas

Para otimizar ao máximo o curto período em Cairo, aproveite o dia de chegada para já conhecer o Museu Egípcio. Desse modo, você terá mais conhecimento ao visitar as pirâmides do Egito no dia seguinte.

Se você quiser conhecer tanto o complexo de Gizé quanto o de Saqqara, é recomendado contratar uma excursão que visite os dois sítios. No último dia, aproveite para conhecer os atrativos do Cairo Islâmico antes de pegar o avião de retorno ou para o próximo destino.

O que fazer no Cairo em 4 dias

  • Dia 1: Chegada ao Cairo + Rio Nilo
  • Dia 2: Museu Egípcio + Zamalek + Torre do Cairo + Bairro Copta
  • Dia 3: Pirâmides de Gizé e Esfinge + Mênfis e Saqqara
  • Dia 4: Mercado Khan El-Khalili + Cidadela e Mesquitas

O roteiro é similar ao de três dias, porém, inclui mais atrativos, como um passeio pelo rio Nilo, o bairro de Zamalek, a Torre do Cairo e o Bairro Copta.

O que fazer no Cairo em 5 dias

  • Dia 1: Chegada ao Cairo + Zamalek + Torre do Cairo
  • Dia 2: Museu Egipcío + Rio Nilo
  • Dia 3: Mênfis e Saqqara + Dahshur
  • Dia 4: Pirâmides de Gizé e Esfinge
  • Dia 5: Mercado Khan El-Khalili + Cidadela e Mesquitas + Parque Al Azhar

Dispondo de cinco dias, é viável dedicar mais tempo ao Museu Egípcio e um dia exclusivo a cada sítio arqueológico, Gizé e Saqqara. Inclusive, vale a pena estender a ida de Saqqara até Dahshur, outra necrópole de Mênfis, situada a 15km de distância.

Menos turística, se destaca pela Pirâmide Curvada, que demonstra o longo processo de engenharia para chegar às soluções que possibilitaram a construção das pirâmides de Gizé.

Outra alternativa seria manter a visitação aos sítios de Gizé e Saqqara no mesmo dia e assim ter uma jornada extra para incluir no roteiro um passeio bate-volta à cidade de Alexandria, a 2h de carro.

Onde ficar no Cairo

Existem duas regiões principais para se hospedar no Cairo: no centro da cidade ou nos arredores de Gizé. A primeira oferece a comodidade de estar perto dos principais atrativos, sobretudo próximo à Praça Tahrir, enquanto a segunda proporciona vistas espetaculares para as pirâmides a preços bem mais em conta.

Os melhores hotéis do Cairo estão aqui!

Como se locomover pelo Cairo

Circular pela cidade pode ser estressante, mas não é particularmente difícil. O metrô é a opção mais em conta (o bilhete custa meros 3 EGP, cerca de R$0,65), embora o alcance seja limitado. O ideal é complementar os trajetos com corridas de táxis, bastante acessíveis desde que seja utilizado o taxímetro, ou de carros particulares para transporte, através de aplicativos como Uber ou o local Careem.

O sistema de transporte público conta ainda com vans e ônibus, mas esses não costumam ser convenientes para os turistas — os percursos são incertos, a sinalização é em árabe e raramente os motoristas falam inglês.

Encontre agora mesmo a sua passagem aérea para o Cairo!

Mapa

Aplicativo Skyscanner
Baixe nosso app de viagens, é gratuíto!

Gostou desse artigo? Leia também:

Os 20 lugares mais fascinantes do mundo
Destinos onde o real ainda vale mais
20 cidades com o melhor custo-benefício para os brasileiros
Destinos imperdíveis para 2019

Confira as avaliações de viajantes como você e veja porque o Skyscanner é o melhor aplicativo para encontrar passagens aéreas em promoção, hotéis baratos e aluguel de carros.

Avaliado por Adijalba Costa on 06 de Fevereiro, 2019

Excelente para ver preços e receber alertas.

Avaliado por Tiago Almeida on 03 de Fevereiro, 2019

Excelente app para pesquisa de tudo relacionado com viagens.

Avaliado por Vitoria Xavier Blanes on 02 de Fevereiro, 2019

Fácil de usar e muito eficiente! Já economizei muito com os alertas de preços.

Avaliado por Mateus Custódio on 31 de Janeiro, 2019

Melhor aplicativo para sua procura e comparação em viagens baratas!

Avaliado por Alisson Silva on 16 de Janeiro, 2019

Melhor app pra pesquisar voos baratos.