Noticias Férias de Julho 2021: para onde viajar no Brasil

Todos os artigos

Férias de Julho 2021: para onde viajar no Brasil

São tempos difíceis para os viajantes. Porém, estamos aqui para ajudar você a sonhar e a planejar sua próxima aventura - seja um passeio perto de você ou um voo a lugares desconhecidos. Até lá, seguiremos compartilhando as últimas atualizações sobre COVID-19 e viagens para manter você informado e pronto para viajar.

Que tal aproveitar as próximas férias de julho para conhecer alguns dos lugares mais incríveis do Brasil? Fizemos uma seleção com destinos para você curtir cada minuto do inverno, seja no frio das serras de várias regiões do país, seja nos verdadeiros refúgios ensolarados do litoral do Nordeste.

Nossas sugestões para as férias de julho incluem desde destinos conhecidos e bastante visitados nessa época, até destinos inusitados e de apelo regional.

Esta página foi atualizada pela última vez em 13 de maio de 2021. As informações apresentadas estavam corretas até a data da publicação. Antes de visitar qualquer destino, certifique-se sobre as restrições de visitação mais recentes.

Onde passar as férias de julho no Brasil?

Tudo vai depender se você quer aproveitar o frio ou fugir do frio. No entanto, em qualquer destino no Brasil, julho é considerado mês de alta temporada. Isso significa que os lugares estarão mais cheios e que os preços estarão mais altos. Para ser seguro viajar, é preciso haver cuidado redobrado nas medidas de prevenção contra o coronavírus.

Destinos de praia para as férias de julho

Fortaleza (CE)

Prédios altos na orla de Fortaleza.
Beira-mar em Fortaleza, no Ceará

Terra de Raquel de Queiroz e de José de Alencar, Fortaleza é uma belezura! A capital do Ceará reúne praias urbanas, como Iracema e Praia do Futuro, e todas as possibilidades que uma cidade grande oferece, a exemplo dos restaurantes, baladas e centros culturais. O que não faltam são pontos turísticos em Fortaleza e passeios nos arredores da capital cearense.

A melhor notícia é que a temporada de chuvas no Ceará já acabou em julho. Assim, você pode aproveitar Fortaleza por uns dias e depois partir para outras praias do Ceará. No sentido leste fica Canoa Quebrada, conhecida pelo incrível conjunto de falésias à beira-mar. Já no sentido oeste, Jericoacoara e suas lagoas de água doce reinam absolutas.

Parque Nacional Marinho dos Abrolhos (BA)

Pessoas em um pequeno barco rumo a Abrolhos
Operadoras de turismo autorizadas levam até Abrolhos

Esse é um passeio para quem quer fugir da mesmice, já que Abrolhos é uma das melhores regiões de mergulho do Brasil. Mesmo se você não for fã da atividade, o arquipélago a 70 Km da costa, no extremo sul da Bahia, pode ser um destino e tanto. Do barco, graças às águas cristalinas, já é possível avistar as grandes formações de corais.

A observação das baleias jubarte, a atração mais famosa de Abrolhos, acontece justamente nessa época. É entre junho e novembro que elas se aproximam da costa. Devido à biodiversidade marinha, apenas operadoras de turismo específicas levam até lá. Os passeios podem ser de bate-volta (com ou sem mergulho) ou com pernoite (2, 3 ou 4 dias).

Lençóis Maranhenses (MA)

Dunas e lagoas no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, destino para ser visitado nas férias de julho.
Lagoas se formam nos Lençóis Maranhenses a partir das chuvas

Tudo bem que os Lençóis Maranhenses não são exatamente praia porque não se tratam de mar e água salgada. São dunas imensas e diversas lagoas, excelentes para se banhar. Boa parte das lagoas que se formam em meio às dunas é resultado das chuvas que atingem a região entre dezembro e maio. Em julho os Lençóis Maranhenses estão no auge!

É quando será possível fazer inúmeros passeios rumos às diferentes lagoas – e tudo vai depender do vilarejo de base que você escolher, Barreirinhas ou Santo Amaro. Antes de conhecer as belezas desse incrível parque nacional, fique pelo menos 2 dias em São Luís para visitar as atrações da capital.

Destinos românticos para as férias de julho

Serra Catarinense (SC)

Monumento rochoso da Pedra Furada, excelente destino para as férias de julho.
Pedra Furada, atração vista a partir do Morro da Igreja, em Urubici

A Serra Catarinense é a pedida para os casais que querem curtir dias de descanso em algumas das cidades mais frias do Brasil. Urubici serve de porta de entrada para o Parque Nacional de São Joaquim, onde é possível fazer diversas trilhas e avistar de perto a Pedra Furada, atração natural da região. Durante a pandemia o parque está operando com 25% da capacidade e é preciso agendar a visitação.

Entre Bom Jardim da Serra e Lauro Müller está a icônica Serra do Rio do Rastro. As curvas sinuosas e os paredões verdes do entorno formam uma paisagem incrível e tornam essa uma das melhores rotas para se fazer de carro no Brasil. No inverno toda essa região fica mais disputada, mas é também a melhor época para combinar o friozinho da serra com as atrações naturais. Programe-se com antecedência!

Ouro Preto (MG)

Museu e igreja se destacam na paisagem do centro histórico de Ouro Preto.
Ouro Preto, uma das principais cidades históricas do Brasil

Subir ladeiras, conhecer igrejas e se deliciar com a comida mineira pode ser feito em qualquer época do ano. O que torna a vinda a Ouro Preto em julho especial é o clima e a possibilidade de programação. Chove pouco durante o inverno, o que resulta em bater perna durante o dia e jantar fora durante a noite. Combinação perfeita!

Fora da pandemia é em julho também que acontece o Festival de Inverno, evento cultural que envolve shows de artistas nacionais e apresentações gratuitas de teatro e de música. O clima seco também faz dessa a melhor época para fazer trilhas em meio às serras do entorno – pode ser tanto no distrito de Lavras Novas, quanto no Parque Estadual do Itacolomi, na divisa entre Ouro Preto e Mariana.

Destinos de viagem em família para as férias de julho

Foz do Iguaçu (PR)

Férias em julho podem ser nas cataratas vistas em Foz do Iguaçu.
Cataratas do Iguaçu vistas a partir do lado brasileiro

Não tem como se sentir entediado na Terra das Cataratas. Fora os dois parques, no lado brasileiro e no lado argentino, Foz do Iguaçu ainda abriga outras possibilidades que vão agradar as crianças. É o caso do Parque das Aves e do Marco das Três Fronteiras, e de atrações específicas, como o Dreamland Museu de Cera e o Parque Aquático Acquamania.

Os termômetros podem chegar às alturas em Foz do Iguaçu durante o verão. Já em julho, mês mais seco do ano, as noites podem realmente ser frias (chegando a 10ºC), mas os dias serão mais frescos (em média, 24ºC). Como existem muitas atrações em Foz do Iguaçu ao ar livre, será mais prazeroso. Antes de viajar, certifique-se sobre a situação do acesso às atrações no lado argentino e paraguaio.

Gramado e Canela (RS)

Cascata do Caracol em meio à natureza verde, em Canela.
Cascata do Caracol, em Canela, principal atração natural da região

Poucos destinos têm atrativos suficientes para que a programação seja perfeita para toda a família. Gramado e Canela, cidades vizinhas na Serra Gaúcha, são exatamente assim. Lembre-se apenas que, em razão das férias escolares, ambos os destinos costumam ser ainda mais procurados.

Em Gramado as crianças vão gostar de visitar Mini Mundo, Snowland e Museu de Cera. Já em Canela, será vez de andar de trenó e de tirolesa no Alpen Park e de conhecer as atrações do Parque Terra Mágica Florybal. Vale ressaltar que outras atrações, como as fábricas de chocolate e os restaurantes de fondue, encantam qualquer turista – dos 8 aos 80 anos.

Destinos de aventura para as férias de julho

Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (SP)

Caverna no PETAR, um dos destinos para passar as férias de julho no Brasil.
Foto: Acervo Vandir A. Junior – Petar/Secretaria de Turismo de São Paulo

É provável que você conheça o parque pela sua sigla: PETAR. Localizado no sul de São Paulo, ganhou notoriedade por abrigar o maior conjunto de cavernas do país – são mais de 300, 12 delas abertas à visitação. Além disso, o parque é uma das 25 zonas que, integradas, formam as Reservas de Mata Atlântica do Sudeste, um dos patrimônios da humanidade do Brasil.

Vale saber que o parque é dividido em quatro núcleos – Santana, Ouro Grosso, Casa de Pedra e Caboclos – e que a contratação de guia de turismo é obrigatória. Os dias de aventura por aqui envolverão muitas trilhas, visita às cavernas e banho nas cachoeiras. Em julho as chuvas já cessaram, por isso a viagem será melhor aproveitada.

Chapada dos Veadeiros (GO)

Cachoeira Rei do Prata e suas águas esverdeadas, uma das mais belas paisagens da Chapada dos Veadeiros.
Cachoeira Rei do Prata, em Cavalcante.
Foto: Jade Knorre

Entenda seu perfil de viajante, escolha um vilarejo – Alto Paraíso de Goiás, Vila de São Jorge ou Cavalcante – e divirta-se em meio à natureza na Chapada dos Veadeiros. Julho costuma ser uma das épocas mais disputadas, não só por causa da estação seca, mas também porque, em tempos normais, é o mês em que acontece o festival Encontro de Culturas.

As trilhas o levarão a diferentes cachoeiras, poços, vales e rios. Em comum, a paisagem deslumbrante e o tom cristalino das águas. Lembre-se que o que diferencia Veadeiros das outras chapadas brasileiras são os ares místicos. Aproveite para se reconectar com suas energias positivas em meio à natureza exuberante.

Então, qual desses destinos combina mais com a sua ideia de férias de julho ideal?

Descubra para onde você pode ir

Fazendo planos para quando puder sair de casa? Confira o nosso mapa global interativo e descubra quais fronteiras estão abertas. Aproveite e inscreva-se para receber atualizações por e-mail assim que seus destinos de interesse reabrirem.

Quer ler mais?