Noticias Voando em 2020: passo a passo para viajar com segurança nos aeroportos durante a pandemia

Todos os artigos

Voando em 2020: passo a passo para viajar com segurança nos aeroportos durante a pandemia

Sabemos que viajar é especialmente difícil agora. Além das últimas dicas de viagem e atualizações sobre o COVID-19, queremos continuar inspirando você com novos conteúdos para que, quando o mundo abra suas portas novamente, você esteja pronto para viajar. Um bom ponto de partida é descobrir a situação dos aeroportos durante o coronavírus.

Agora que aos poucos as linhas aéreas retomam os voos entre as principais cidades brasileiras, e diversos países abrem suas fronteiras para voos internacionais, muitos brasileiros estão se perguntando se é seguro viajar durante a pandemia. E uma das principais preocupações é justamente o que vamos encontrar nos aeroportos e como se preparar para essa jornada.

No Skyscanner, queremos que você viaje com segurança. Por isso, preparamos esse guia para explicar passo a passo o processo de voar de avião nesses novos tempos, do check-in ao desembarque. 

Atenção: Vale lembrar que a situação está mudando a cada dia e que nem todos os aeroportos seguem os mesmos protocolos. Portanto, é fundamental que você consulte todas as informações nas páginas oficiais dos aeroportos de partida e chegada e também das companhias aéreas. 

Aeroportos vazios durante o coronavírus

Viajando pelos aeroportos durante o coronavírus: do check-in ao embarque

Os cuidados que as companhias, as autoridades aeroportuárias e os próprios passageiros devem ter durante todo o processo da viagem vão bastante além do período que passamos dentro da aeronave. Confira como tornar sua passagem pelo aeroporto mais segura e tranquila.

Passo 1: Faça o check-in online

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) recomenda utilizar apenas canais digitais para realizar o check-in, de modo a evitar o contato nos balcões de atendimento das companhias aéreas. 

O check-in online pode ser feito através dos sites ou dos aplicativos das companhias aéreas — lembre-se de salvar o cartão de embarque virtual em seu celular. Caso prefira, você também pode imprimi-lo em casa. A Gol, por exemplo, lançou o check-in digital por Whatsapp, através da sua atendente virtual Gal, um bot para o aplicativo.

Não é recomendado, mas ainda é possível fazer o procedimento presencialmente nos balcões ou nas máquinas de check-in automático. Para quem precisa despachar bagagens, essa é a única alternativa disponível. Para separar funcionários e viajantes, a maioria dos balcões de atendimento contam com escudos de acrílico.

Mulher no aeroporto com seu laptop

Passo 2: Confira os sites oficiais para ter informações atualizadas

Nestas épocas de tanta mudança, é fundamental se manter informado. Verificar os sites oficiais do aeroporto de embarque e do aeroporto de desembarque é a melhor maneira de evitar surpresas. 

Quase todos os aeroportos criaram páginas especiais indicando os protocolos que estão seguindo. Além disso, não deixe de conferir também o site da companhia aérea responsável pela sua viagem. 

Passageiro seguindo as recomendações dos aeroportos durante o coronavírus
© LHR Airports Limited

Passo 3: Chegue ao aeroporto com bastante antecedência

Com as novas medidas de segurança, o embarque pode demorar mais tempo. Da mesma forma, o controle de segurança pelas autoridades aeroportuárias também deve ser mais lento.

A Azul mantém a sua recomendação de chegar com mais de uma hora de antecedência do início do embarque, enquanto a Gol e a Latam estenderam esse período. A Gol antecipou o check-in para três horas antes do horário de partida, e a Latam recomenda que os passageiros cheguem ao aeroporto com duas horas de antecedência para voos nacionais e quatro horas para voos internacionais. 

Além disso, lembre-se que apenas passageiros que vão de fato viajar devem comparecer ao aeroporto. O melhor é garantir a despedida em outra ocasião. 

Distanciamento social obrigatório em aeroportos
© LHR Airports Limited

Passo 4: Use máscara

Para proteger a outros passageiros, tripulantes e funcionários do aeroporto, o uso da máscara é obrigatório para todos nas dependências dos aeroportos. Inclusive, é necessário manter a máscara por toda a duração do voo. 

Veja o nosso guia sobre o uso de máscara para viagens aéreas

Proteção facial da Equipe do Aeroporto Heathrow
© LHR Airports Limited

Passo 5: Respeite o distanciamento social

Dos balcões de atendimento no check-in até a espera no portão de embarque, diferentes maneiras de garantir o distanciamento social foram implementadas nos aeroportos durante o coronavírus. 

Alguns assentos na área de espera foram bloqueados para que as pessoas não se sentem lado a lado, e marcadores no chão indicam onde permanecer em pé, mantendo de um a dois metros de distância.  

Finalmente, protocolos rigorosos de limpeza também foram implementados. Assentos, banheiros, esteiras de bagagem e outros locais de contato freqüente são continuamente desinfetados.

Aeroportos durante o coronavírus
© LHR Airports Limited

Passo 6: Garanta tempo extra para passar pelo controle de segurança

Nos aeroportos brasileiros, não espere encontrar muitas diferenças em relação ao controle de segurança pré-covid. De modo geral, a maior diferença é a higienização das bandejas para os pertences pessoais nas máquinas de raio-X e o processo mais lento, uma vez que menos pessoas devem ocupar o mesmo espaço.

Embora aqui não exista nenhum tipo controle de temperatura para o acesso à área de embarque, você pode se deparar com essa medida em outros aeroportos durante o coronavírus. Neste caso, as medições podem ser feitas passageiro a passageiro com termômetros digitais a laser ou através de câmeras termográficas.

Além disso, você encontrará cartazes informativos relacionados às medidas de segurança nos aeroportos. Também é provável que escute alertas sonoros pelos alto-falantes do aeroporto relembrando essas medidas.

Identificação digital no aeroporto
© LHR Airports Limited

Passo 7: Economize nas compras antes de embarcar

Como você sabe, em situações normais, você encontraria o burburinho de muitos restaurantes e lojas na área de embarque após passar pelo controle de segurança. Mas a verdade é que, diante do baixo movimento de passageiros, muitos desses estabelecimentos estiveram fechados nos últimos meses ou funcionando em horários reduzidos. Não há nenhuma regra específica sobre o método de pagamento em lojas e restaurantes, mas o uso do cartão é recomendado.

Máquinas de venda automática também podem estar desativadas, e o número de assentos disponíveis nas salas de espera deve ser limitado. Em muitos casos, um ou dois espaços são deixados livres para manter uma distância segura entre os passageiros. 

Com a normalização das atividades aeroportuárias, o comércio está de pouco a pouco voltando a abrir as suas portas. Para saber mais sobre o status das lojas e restaurantes nos aeroportos durante o coronavírus, verifique o site oficial do aeroporto. 

Praças de alimentação fechadas durante o coronavírus

Passo 8: Siga as orientações de embarque de cada companhia aérea 

O embarque de passageiros na aeronave sempre foi um momento tumultuado. Agora a situação nos aeroportos durante o coronavírus é (um pouco) mais controlada: a Gol e a Latam têm feito marcações no piso imediatamente antes ao portão de embarque, de modo a estabelecer a distância segura entre os viajantes. Para controlar o fluxo, também podem chamar os passageiros de acordo com as suas fileiras na aeronave.

A proposta da Azul foi bem mais inovadora: eles lançaram o Tapete Azul, um sistema com projetores que indicam o momento exato de embarcar, segundo o seu assento, preservando uma distância de quatro metros entre os passageiros na fila. Dentro da aeronave, o sistema também diminui aqueles clássicos problemas de aglomeração devido ao troca-troca de assentos e a acomodação de bagagem de mão. A tecnologia, no entanto, está disponível apenas nos seguintes aeroportos durante o coronavírus:

Confira as tecnologias de viagem que você verá após o COVID-19

Fila para o embarque no aeroporto
© Günter Wicker / Flughafen Berlin Brandenburg GmbH

Passo 9: Aproveite o seu voo seguindo as normas de segurança

Uma vez embarcado, é aconselhável evitar circular dentro da aeronave e reduzir o contato com as superfícies do avião e levar seu próprio gel desinfetante. Os aviões são desinfetados a cada voo e todas companhias aéreas brasileiras utilizam filtros HEPA, que removem 99,99% dos vírus e bactérias do ar recirculado.

O serviço de bordo em tempos de coronavírus foi suspenso ou reduzido na maioria das companhias aéreas. A Azul e a Gol realizam a distribuição de comes e bebes apenas no desembarque, para garantir a utilização de máscara durante toda a viagem. No entanto, os passageiros podem pedir água a qualquer momento do voo. A Latam, por outro lado, manteve o serviço de alimentação, apenas de forma reduzida e adaptada para garantir o mínimo manuseio dos itens. Em voos internacionais, travesseiros e mantas só são oferecidos a passageiros que os solicitarem. 

Alguém vai se sentar ao meu lado? Isso vai depender muito da ocupação da aeronave. Se não houver muitos passageiros, as companhias aéreas podem tentar manter uma distribuição mais espaçada dos passageiros que não viajam juntos. Mas no Brasil há relatos de muitos voos lotados nos principais aeroportos durante a pandemia.

Leia mais sobre o futuro das viagens de avião

Higienização das mãos com álcool em gel

Passo 10: Siga o procedimento de desembarque estipulado pelo aeroporto e recolha sua bagagem

A aeronave já tocou solo? Espere até que a tripulação informe o procedimento para o desembarque. É provável que a saída seja pela ordem das filas. Tente manter uma distância segura dos outros passageiros ao sair do avião.

Muitas das áreas de coleta de bagagem também foram marcadas no piso para manter uma distância segura. Não se aproxime da esteira até ver a sua bagagem e evite tocar desnecessariamente em outras malas. Para minimizar riscos de contágio, vá diretamente para a saída. 

Caso alguém vá recebê-lo no aeroporto, lembre-se que muitos aeroportos recomendam o acesso exclusivo para viajantes. No caso de dúvidas, o melhor é esperar fora do saguão ou nos estacionamentos.

Descubra para onde você pode viajar   

Você já está planejando a sua próxima viagem internacional? Descubra quais fronteiras estão abertas no nosso mapa interativo. Cadastre-se para ser o primeiro a saber sobre as atualizações para seus destinos favoritos (e garantir aquela passagem em oferta!).

Quer ler mais a respeito?