Noticias Rota Romântica na Alemanha: um roteiro entre montanhas e castelos

Todos os artigos

Rota Romântica na Alemanha: um roteiro entre montanhas e castelos

A Alemanha possui atrações para todo o tipo de viajante, mas um roteiro em particular passou a ser destaque entre os encantos do país: a Rota Romântica. O trajeto contempla castelos, vinhedos e paisagens cinematográficas, cobrindo 350 km e passando por quase 30 cidades. Descubra neste artigo por que a Rota Romântica é uma das 13 estradas incríveis para viajar de carro na Europa e veja outras dicas para fazer o percurso!

Mapa

A rota

Natureza, cultura e hospitalidade são os emblemas da Rota Romântica que corta o estado da Baviera, no sul da Alemanha. O ponto de partida é Würzburg, uma cidade universitária localizada entre vinhedos e banhada pelo belo rio Main. A partir daí, o trajeto passa por cidadezinhas típicas da região, centros urbanos de porte médio, palácios, monastérios, igrejas, lagos, montanhas, bosques e vilarejos do século 16.

O destino final é Füssen, um dos 20 vilarejos apaixonantes na Europa, localizado nos Alpes, bem mais ao sul, na fronteira com a Áustria. Enquanto a primeira cidade fica entre Frankfurt e Nuremberg, a final está próxima de Munique – todas grandes cidades e cheias de atrativos.

Encontre as passagens mais baratas para a Alemanha, clique na foto!

Encontre as passagens mais baratas para a Alemanha, clique na foto!

As principais cidades, além de Würzburg e Füssen, são: Rothenburg, Dinkelsbühl e Augsburg. Também merecem destaque Nördlingen, Landsberg e Schwangau. Essas cidades abrigam mais opções de hospedagem e alimentação, além de disponibilizarem pontos de ônibus ou trem para quem optar por esses meios.

A rota também oferece gastronomia típica em cada parada, como o Rothenburger Schneeballen, um doce frito com açúcar, canela e as mais diversas coberturas.

Quantos dias são necessários para percorrer a Rota Romântica

O trajeto em si, sem paradas, pode ser percorrido em cerca de 4h de carro. Mesmo que as paisagens da estrada sejam lindas, esse não é o único intuito da rota. Parar nas cidades, apreciá-las e visitar as principais atrações é o que faz dela um grande atrativo da Alemanha. Assim, o ideal é reservar de 3 a 5 dias para o roteiro, pernoitando nas maiores cidades e parando nos principais castelos e igrejas – ou em qualquer lugar que dê vontade!

Busque passagens aéreas para Frankfurt, clicando na foto!
Busque passagens aéreas para Frankfurt, clicando na foto!
Os melhores voos para a Alemanha estão aqui!

Para quem tem apenas um dia, agências oferecem passeios para conhecer partes da rota a partir das mesmas três grandes cidades. Esses passeios contemplam, na maioria das vezes, as importantes Rothenburg, Harburg e, quando sai de Frankfurt ou Nuremberg, Würzburg.

Como percorrer a Rota Romântica

A estrada pode ser percorrida de ônibus, carro ou bicicleta, sendo que alguns trajetos também podem ser realizados de trem. As empresas Flixbus e Eurolines oferecem linhas de ônibus comerciais, enquanto a Romantic Road Coach tem uma pegada mais turística. Os trens são operados pela Deutsche Bahn, que oferta tíquetes conjuntos para toda a região da Bavária.

No entanto, não há dúvidas de que o melhor transporte para essa rota é o carro: possibilita total independência nas possíveis paradas para admirar os cenários pela estrada, na escolha das cidades e no tempo de permanência em cada local.

Descubra a empresa mais barata para aluguel de carros em Frankfurt!
Encontre voos para a Alemanha agora mesmo!
Reserve agora mesmo voos para conhecer a Rota Romântica!

O alto nível de conservação das estradas também ajuda, assim com a ausência de pedágios e alta sinalização. É melhor, porém, sempre ter um celular com GPS consigo e baixar os mapas previamente, caso você não tenha internet móvel enquanto estiver no país. Uma facilidade: muitas locadoras possibilitam você retirar o carro em Frankfurt, por exemplo, e devolvê-lo em Munique.

Atrações de destaque na Rota Românica

Dentre as importantes atrações que fazem parte da rota estão, já na cidade inicial de Würzburg, o palácio e jardins Residenz e diversas igrejas que vão do estilo russo ortodoxo ao romântico. Já Rothenburg (diminutivo de Rothenburg ob der Tauber, algo como “Fortaleza vermelha acima do (rio) Tauber”) reserva atrativos da Era Medieval em cada esquina, já que é uma das mais bem conservadas cidades da época.

Dinkelsbühl é conhecida como “a cidade das 20 torres” (restos da muralha, de igrejas e prédios) e comemora, todo julho com muita festa, um capítulo da Guerra dos 30 anos que aconteceu ali, atraindo milhares de turistas.

Encontre o melhor hotel para se hospedar em Würzburg, basta clicar na imagem!
Passagens aéreas com desconto para a Alemanha!

Nördlingen, por sua vez, é cheia de charme e tem um interessante formato arredondado, típico medieval, com o centro marcado pela torre da igreja. No vilarejo de Harburg, o castelo homônimo é um grande destaque da rota: construído no século 11, é um dos mais antigos de todo o território alemão.

Em Augsburg, atrativos interessantes são o conjunto habitacional Fuggerei – que apresenta um bunker construído na 2ª Guerra e é o primeiro modelo de moradia popular do mundo, onde os habitantes pagam o equivalente a R$3,20 por ano pelo aluguel – e o sofisticado salão de baile do palácio Schaezler. Como um grande município, Augsburg também oferece museus e até zoológico para quem quiser descansar um pouco dos castelos e igrejas.

A 5 km de Steingaden, é possível visitar a Igreja de Wieskirche, ou apenas Wies, um dos mais conceituados trabalhos em rococó, local de intensa peregrinação por guardar uma estátua dita milagrosa.

Clique na foto e encontre hotéis em Schwangau!
Voos baratos para a Alemanha!

Um dos pontos mais altos da rota está em Schwangau, última cidade antes de chegar a Füssen: são os castelos do rei Ludwig, cercados por quatro lagos e localizados em frente às montanhas Ammer.

O principal deles, Neuschwanstein, inspirou o Castelo da Cinderela da Disney, então não é exagero, nem clichê, caracterizá-lo como “de conto de fadas”. Um local perfeito para admirar a construção e confirmar tal característica é a ponte Marienbrücke, a 2 km do local.

O destino final, Füssen, lembra uma pintura: um centro de casinhas coloridas com ares medievais, cercado por montanhas de verde intenso, rios, lagos e castelos. Entre as atrações mais instigantes , estão o Hohes Schloss, que abriga uma importante galeria de arte, o mosteiro do século 8, hoje transformado no Museu da Cidade, e a basílica, destaque em meio a dezenas de igrejas barrocas no centro medieval.

Procure suas passagens aéreas agora mesmo, aqui!

Mapa

Baixe nosso app de viagens, é gratuíto!

Leia também:

As 15 mais belas cidades do mundo para ver neve

Top 5 cidades da Europa para quem ama cerveja

17 faróis para visitar no mundo